Sargento venezuelano é condenado a 7 anos por roubar comércio em RR

5/03/2016 às 03h03

O sargento do exército venezuelano Elvis Geovanny Manrique, de 25 anos, foi condenado a sete anos de prisão em regime fechado por roubo. Ele é acusado de assaltar uma loja de conveniência no município de Pacaraima, fronteira com a Venezuela, no Norte de Roraima no dia 2 de setembro.

A denúncia feita pelo Ministério Público de Roraima foi acatada pela Justiça.Na sentença, o juízo da Comarca de Pacaraima entendeu que as evidências apresentadas pelo MP comprovaram a autoria do crime  ocasionando a condenação do réu.

De acordo com o Ministério Público, o acusado mediante grave ameaça, tentou roubar o dinheiro que estava no caixa do estabelecimento.

Na ação, ele apontou uma pistola para a cabeça de uma vítima e a agrediu com um chute.O sargento teve apoio de dois comparsas que conseguiram fugir do local antes de os policiais chegarem.

Conforme a denúncia, vítima foi imobilizada e arrastada para os fundos da conveniência após brigar com o militar, mas conseguiu escapar e pedir socorro. O acusado foi detido por pessoas e entregue à polícia. Atualmente o sargento venezuelano cumpre pena na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo.